2018 90 anos

Os Cartazes das Cidades-Sede da Copa do Mundo de 2018

6.6.14Andy Rodriguez





Coletânea dos cartazes oficiais das cidades-sede da Copa do Mundo de 2018, que será realizada na Rússia.

O maior país em território do planeta, a Rússia atravessa a Europa e a Ásia, ligando Ocidente e Oriente, portanto esta será a primeira Copa do Mundo a ser realizada através de dois continentes. A Rússia será também o maior país geograficamente a sediar uma Copa do Mundo.

As características individuais de cada cidade, foram bem destacadas nos 11 cartazes, que serão utilizados em todos os eventos oficiais.


 Kaliningrado é única. O atleta neste cartaz simboliza o espírito aberto da região, que abarca tanto o antigo quanto o novo, com um olhar voltado ao futuro. É uma cidade cuja alma deriva das águas que a circundam e se reflete na bola de futebol feita do mundialmente famoso âmbar encontrado na área.


Em Kazan, até o nome é mágico. O Leopardo de Neve é o símbolo da república e o foco central do pôster de Kazan, no qual aparece surgindo a partir do gramado, assentado em uma bola. As cores nacionais  estão incluídas nas bordas ao redor do campo, e os raios de sol refletem otimismo, sucesso e boa sorte na cultura tártara. 


Além dos muros do antigo Kremlin pulsa uma cidade que não perde para nenhuma no que diz respeito a energia, estilo e divertimento. Isso se reflete nas coloridas espirais do cartaz. O campo de futebol e sua bola gigante representam a paixão de Moscou pelo maior esporte do planeta.
Assim como é corpo e alma da Rússia, a cidade também será o ponto central da Copa.
 
 
Cores vivas que são, o laranja e o vermelho representam a paixão, o movimento e a expressão da cultura russa. O corpo do atleta no cartaz foi criado a partir de uma técnica de desenho russa chamada khokhloma. Esse estilo de artesanato folclórico é muito conhecido e apreciado não só na Rússia, mas também em outros países, e traz um senso de fluidez e energia aos movimentos do atleta.


Os cavalos são um importante símbolo da história do município. Um exemplo é o monumento à Primeira Cavalaria do Exército, que forma a imagem básica do pôster. O rio Don, importantíssimo para a identidade da cidade, é representado pelas ondas azuis agitadas abaixo dos cavalos. Ramos verdes de carvalho, imitando as cores de um campo de futebol, remetem ao emblema da cidade.
Por fim, a bola traz vermelho, azul e laranja, cores da bandeira da região de Rostov.
 
 
A arquitetura verdadeiramente única de São Petersburgo é retratada no cartaz, que traz as catedrais de Santo Isaac e Smolny, os portões do Palácio de Verão e a Torre do Almirantado. A cidade é conhecida por sua vibrante cultura do futebol, representada pelo campo que aparece no pôster.
 
 
Samara é uma cidade famosa no país pela paixão pelo futebol. Essa paixão está refletida no pôster por meio das fortes e coloridas linhas geométricas que explodem em direção ao alto e ao futuro. Os símbolos tradicionais de Samara, o Monumento da Glória e o Ladya, estão presentes. A pose do jogador de futebol apresenta em mímica a figura no topo do Monumento da Glória. 
 
 
A ave desenhada no pôster é o "pássaro da criação", uma figura poderosa e muito evocada na mitologia mordoviana, simbolizando a natureza e a própria vida. O pássaro e a bola são decorados com o padrão tradicional da Mordóvia e representam o estilo único da arte e do artesanato da região.
 
 
Sóchi é uma cidade realmente situada entre o mar e o céu, proporcionando uma experiência única neste sentido. O cartaz retrata uma bola de futebol que une as águas do mar e as montanhas e reflete a hospitalidade e o espírito receptivo da região.


O mesmo rio Volga que dá energia e alma ao município de Volgogrado está também no centro do pôster da cidade. Produzido em estilo moderno e dinâmico, lembrando modernas tecnologias visuais, o cartaz traz cores retiradas do próprio rio, do sol e das emoções associadas ao futebol. A imagem é baseada em ondas e movimentos, como um time de futebol em ação.
 
Situada junto aos Montes Urais, Ecaterimburgo marca a divisão continental da Europa com a Ásia. No centro da imagem vemos a malaquita, uma bela pedra preciosa famosa na região e também conhecida como "Flor de Pedra", o mesmo título do famoso romance de Pavel Bazhov. As cores do pôster representam os Urais, as montanhas e o rico solo da região. A cor azul representa o rio Iset. Nenhum elemento gráfico do pôster tem bordas bem definidas, refletindo o fato de que não há fronteiras para os países que amam o futebol.
 
Fonte: Fifa.com

You Might Also Like

0 comentários

INSTAGRAM

CONTATO