arte branding

A Idealização e Elaboração do Logotipo do LAFC

29.3.16Andy Santos


Los Angeles Football Club, franquia que estreará na Major League Soccer apenas em 2018, e que almeja desde agora se fortalecer como marca na comunidade futebolística norte americana e por que não, na mundial? Para pavimentar o ambicioso caminho, aquela receita infalível - apresentar uma identidade visual singular, impactante no visual e em seus valores. E a porta de entrada neste processo é o logotipo simples e objetivo, que se fixa em nossas mentes.

Se você lê o logotipo do LAFC apenas pela formação escudo terá a impressão de ser um layout comum, visto em toda a história do design no futebol. Mas até o que envolve o "LA" tem um viés, uma origem, um conceito diferente de tudo o que se está habituado.

A missão para criar o logo coube a Matthew Wolff, que tem em seu portfólio o desenho da insíginia do NY City FC. Ele trabalhou com toda a liberdade na concepção do projeto, se libertou de paradigmas gráficos (mas sem se perder em anomalias alheias ao futebol) e trouxe elementos que representam muito o que é a cidade de Los Angeles atualmente e ao mesmo tempo sua gênese.


Rafes do logo do Los Angeles FC

Na prancheta a abreviatura
O contorno da peça é inspirado no brasão da cidade. O esquema de cores preto e dourado, fugindo totalmente dos padrões, reflete de acordo com Matthew, o sucesso, glamour e a textura urbana de LA. Padrão cromático este que faz lembrar rapidamente do "Hollywood Nights", uniforme alternativo dos Lakers com predominância do negro junto ao amarelo-ouro. Indo para o aspecto tipográfico, Matthew escolheu a família Neutraface, uma referência ao rico acervo arquitetônico no estilo art-decó que marcou a expansão da cidade californiana na década de 1920.

Não tem como perceber na figura central a estridente asa que ilustra a letra A na abreviatura LA. É o elemento gráfico mais expressivo do conjunto, o mais trabalhado pelo designer. Faz jus logicamente ao nome da cidade e tem o estilo numa pegada asteca, mais uma referência às origens da região e também aos muitos cidadãos desta ascendência.


O mosaico de referências para a idealização e elaboração do logotipo
Matthew Wolff foge dos esteriótipos dos escudos poluídos e sem imaginação em sua maioria, cria um logotipo do zero, mantendo a tradição americana nessa área e muito exigida hoje em geral,  que é agregar valor da cidade-sede e da comunidade da agremiação. Uma composição graficamente atual, facilmente compreensível, com a cara da cidade e seu povo multicultural. Que sirva de exemplo para os times do mundo todo.





You Might Also Like

0 comentários

INSTAGRAM

CONTATO